natimorto

aplicativo para smartphone
série fotográfica
2017-2020









Investigación sobre las fotografías no tomadas por la cámara principal del móvil cada vez que se dispara la cámara frontal para una selfie. Para tanto, se ha desarrollado una aplicación dque estuvo operativa experimentalmente en algunos teléfonos entre los años 2018 y 2020. Cada vez que alguien usaba el teléfono para tomar una selfie, la aplicación activaba la cámara trasera y tomaba una foto de lo que está en la esquina opuesta. Por cada selfie, un robo. La imagen no nacida presenta un cierto aura fantasmagórico, el mundo está presente pero sin ‘intención’, son representaciones del mundo que no existen, no glamurizadas por nadie, imágenes tercas que forzaron su nacimiento.

















«Há algum tempo, a artista Francele Cocco criou um aplicativo de fotos para dispositivos móveis que funcionou experimentalmente em alguns telefones entre os anos de 2017 e 2020. Toda vez que alguém usa o telefone para tirar uma selfie, o aplicativo ativa a câmera traseira do dispositivo, e tira uma foto do que está no canto oposto. O aplicativo, portanto, gera uma espécie de lado B da selfie, uma contra-imagem que registra visualmente o que o fotógrafo conscientemente decidiu ignorar e deixar de fora da foto. Nessas fotos, contraplanos involuntários e residuais, geralmente apresentam uma imagem menos construída e controlada do que a que o usuário deseja oferecer. A obra investiga criticamente o papel do artifício, do controle e da pose nos processos de autorrepresentação nas redes sociais e oferece uma resposta subversiva e irônica à presença predominante do rosto no imaginário digital.»

-- Alexandra Laudo, curadora da exposição Antibiografía

︎Folha de sala em catalão.






Esta investigação foi selecionada para o programa de residências artísticas do Espai d’Arts Roca Umbert em 2018, coordenado por Joan Fontcuberta. Foto do ateliê da artista durante a jornada de Portes Obertas, novembro de 2018.




Este projeto também fez parte da exposição I’ve Got a Mail, na galeria MOM Art Space em Hamburgo, curada por Charlotte Gaitzsch e Franziska Storch, agosto de 2020.




Série de três fotografias do projeto selecionadas para a exposição Antibiografía no Centro d’Art Maristany, em Sant Cugat del Vallès, curada por Alexandra Laudo, fevereiro de 2022.



Impressão digital sobre papel
50 x 70 cm cada


Agradecimento: Tiago Pimentel, Lucas Pretti, Silvia Ferreira, Joe Espindola, Julia Schnorr, Eduardo Bonini, Fernanda Versolato, Felipe Cabral, Joan Fontcuberta, Claudio Margini, Pablo Sperandio, Fernando Uehara, Thaís Pedroso, Pablo Sperandio, Rejane Cocco, Alexandra Laudo.
























︎︎︎   |   es   |   en   |